Fique por dentro das notícias do IES

    A avaliação tática no sistema IES

    No post passado abordamos de maneira detalhada quais são os parâmetros que orientam a avaliação do desempenho técnico pelo sistema IES. No post de hoje vamos destrinchar os elementos que orientam a avaliação do desempenho tático.

    A avaliação tática é composta por cinco indicadores:
    1. 1 x 1 ofensivo
    2. 1 x 1 defensivo
    3. Posse de bola em situação de 2 x 1 (em condição de superioridade)
    4. Desmarcação sem bola
    5. Marcação em situação de 1 x 2 (em condição de inferioridade)

    Dentro de cada indicador são inseridos pontos chave para caracterização do desempenho dos atletas avaliados.

    1 x 1 ofensivo

    Na avaliação da situação de 1 x 1 ofensivo são utilizados quatro características para classificação do desempenho: maestria com a bola; controle da posição do marcador; eficiência em desequilibrar o marcador; troca de ritmo e velocidade. A maestria com a bola se refere à habilidade do jogador em controlar a bola e executar grande variabilidade de dribles no momento do duelo com o defensor. O controle da posição do marcador se relaciona com a capacidade de evitar que o defensor chegue a uma posição favorável para tentar roubar a bola. A eficiência em desequilibrar o marcador se refere à aptidão do jogador em fazer o defensor perder sua base de equilíbrio ou perder a capacidade de evitar a sua progressão em um dado momento do confronto. E a troca de ritmo e velocidade está relacionada com o sucesso do atacante em fazer grandes acelerações ou rápidas mudanças de direção com a bola no momento do duelo.

    1 x 1 defensivo

    Na avaliação da situação de 1 x 1 defensivo são utilizados sete características para classificação do desempenho: conceito básico de marcação; eficiência de aproximação; controle da distância e equilíbrio; manutenção do equilíbrio no deslocamento; eficiência na recuperação; indução da movimentação do atacante; agressividade para roubar a bola. O conceito básico de marcação está relacionado com o entendimento do jogador em defender o espaço para evitar a progressão do atacante com a bola. A eficiência de aproximação se refere à qualidade do movimento de aproximação do marcador ao jogador com a bola. O controle da distância e equilíbrio está relacionado com a posição do corpo do marcador no momento do duelo e distância que o marcador fica do atacante. A manutenção do equilíbrio no deslocamento se refere à capacidade do jogador em manter a posição do corpo equilibrada conforme a movimentação da bola. A eficiência na recuperação está relacionada com a aptidão do jogador em recuperar a posição de contenção sempre que estiver desequilibrado. A indução da movimentação do atacante se refere à ação do defensor de fazer o atacante progredir com a bola para uma zona de menor perigo. E, por último, a agressividade para roubar a bola está relacionada com a capacidade do defensor em atacar a bola com sucesso para desarmar o atacante.

    Posse de bola 2 x 1 (em situação de superioridade)

    Na avaliação da posse de bola 2 x 1 (em situação de inferioridade) são utilizados seis características para classificação do desempenho: capacidade de dar prosseguimento na jogada; segurança no modo de agir; eficiência nas decisões tomadas; complexidade da situação; indução do deslocamento do defensor; eficiência na criação de oportunidades de gol. A capacidade de dar prosseguimento à jogada se refere à consistência do jogador em conseguir fazer o passe ou driblar o adversário sem perder a posse da bola. A segurança no modo de agir está relacionada com a atitude do jogador em não se livrar da bola e esperar o melhor momento para realizar a ação escolhida. A eficiência nas decisões tomadas se refere à aptidão do jogador em escolher a solução mais adequada para a situação. A complexidade da situação se relaciona com o grau de dificuldade imposto pelo marcador sobre o espaço para progredir e a abertura de linha de passe. A indução do deslocamento do defensor se refere à habilidade do jogador em “fazer” uma ação falsa para deslocar o defensor e abrir espaço para a ação desejada. E, por último, a eficiência na criação de oportunidade de gol se relaciona com as ações que vão permitir que o jogador ou seu companheiro de equipe consigam finalizar em uma situação muito favorável para ter êxito em fazer o gol.

    Desmarcação sem bola:

    Na avaliação da desmarcação sem bola são utilizados quatro características para classificação do desempenho: atitude em se desmarcar; oferecimento de linha de passe; tempo para agir; direção da desmarcação. A atitude em se desmarcar se refere à movimentação em que o atleta faz para tentar aumentar a possibilidade de receber um passe. O oferecimento de linha de passe está relacionado com a eficiência em se posicionar em um espaço que permita que o jogador com bola efetue um passe. O tempo para agir se refere ao momento de início da desmarcação (antecipada, no tempo da jogada ou atrasada). E, por último, a direção da desmarcação se relaciona com o sentido da desmarcação, como atrás da linha da bola ou em direção ao gol.

    Marcação em situação de 1 x 2 (em condição de inferioridade)

    Na avaliação da marcação em situação de 1 x 2 (em condição de inferioridade) são utilizados quatro características para classificação do desempenho: posicionamento inicial; controle do espaço de marcação; indução da movimentação da bola; eficiência em atrasar o ataque. O posicionamento inicial se refere à localização do marcador no início do confronto. O controle do espaço de marcação está relacionado com o posicionamento do marcador no decorrer do confronto (como ele se posiciona para cobrir o espaço de jogo). A indução da movimentação da bola se refere à movimentação do marcador para fechar um espaço crítico delimitando a área de circulação da bola. E, por último, a eficiência em atrasar o ataque está relacionada com o sucesso do marcador em fazer os atacantes demorarem em progredirem ao gol.

    De modo geral, está é a estrutura da nossa avaliação tática, para maiores informação entre no nosso site.

    Até o próximo post.


     

    logo ies gd bcIES - International Evaluation System
    Av. Rio Branco, 257 - Cj 902 - Centro
    200040-009 | Rio de Janeiro - RJ 

    Últimos Artigos no Blog

    08
    Abr2021

    A relação entre os aspectos comportamentais e o desempenho no futebol

    Os jogos e treinamentos do futebol exigem muito do psicológico dos jogadores. Neste ambiente eles pa...

    08
    Abr2021

    A relação entre condicionamento físico e desempenho no futebol

    No jogo de futebol os jogadores percorrem grandes distâncias ao longo dos 90 minutos de partida. Est...

    O Aplicativo IES

    bt google store

    bt apple store

     

    © 2017 IES. Todos os direitos reservados.

    Busca no site